JUSTIÇA CONCEDE A PROFESSORES MUNICIPAIS DE MACAÉ O RECEBIMENTO DE TRIÊNIO E PROGRESSÃO SALARIAL EM ATRASO.

Infelizmente, todos os dias nos deparamos com direitos básicos de professores sendo descumprido em todo território nacional, e com o Munícipio de Macaé/RJ não tem sido diferente.

Há anos o Município vem desprestigiando a classe que mais deveria ser respeitada, SIM você PROFESSOR, afinal sem vocês jamais qualquer outra profissão existiria!

As leis Complementares 195 e 196 de 2011 vêm sendo descumprida há anos, essas arbitrariedades se refletem trazendo grande prejuízo e defasagem em seus salários!

A boa notícia é que o Poder Judiciário não tem se mantido inerte ante aos absurdos que estão acontecendo com a classe educacional, e vem intervindo para que as irregularidades praticadas pela administração pública não se mantenham.

Uma Professora que estava há anos com seu salário defasado por não haver o cumprimento das leis pertinentes, decidiu partir para a luta, e resolveu postular seu direito junto ao Poder Judiciário.

O Escritório VANESSA BHERING ADVOGADOS foi o escolhido para lhe auxiliar nessa guerra, e em decisão judicial, o Juiz, Leonardo Hostalacio Notin nos autos do processo em trâmite sob o nº 0013099-55.2017.8.19.0028, reconheceu os fundamentos aventados por nós, determinando o pagamento de todos os valores não recebidos nos últimos 5 anos.

Vejamos alguns trechos da decisão proferida:

Na presente hipótese, ao escolher omitir-se administrativamente, quando provocado para responder às pretensões da Autora por meio de processos administrativos e, ao não dar efetividade às Leis municipais promulgadas, que estabelecem critérios objetivos para a concessão de triênio e para enquadramento funcional, a municipalidade pode ser submetida ao controle judicial. Também aqui, os valores devidos em razão do correto enquadramento deverão retroagir à data em que foi solicitado administrativamente, quando comprovou a Autora, por meio de documento, fazer jus à progressão.   Como foi vencido na maior parte da demanda, impõe-se ao Réu, o pagamento de honorários da sucumbência.

           Por tais fundamentos, JULGO PROCEDENTE O PEDIDO para obrigar o Réu a computar o triênio devido à Autora, bem como a enquadrá-la na progressão vertical na forma requerida, condenando-o ao pagamento dos valores pretéritos, em razão dos direitos acolhidos.

O processo foi submetido a 2º Instancia que manteve a decisão já proferida pelo juiz de Macaé, ou seja, não há mais possibilidade de recurso, além da prefeitura jamais ter contestado os valores, o processo já se encontra em fase final para pagamento a professora. Uma grande vitória não é?

Dessa forma professor, só você pode e deve acabar com tamanha injustiça que vem ocorrendo a anos!

É importante você se atentar que a decisão judicial alcançada pela Professora mencionada à cima, somente surtirá efeitos para aqueles professores que buscarem seus direitos por meio de uma ação judicial, não podendo os demais, que se mantiveram inertes, se beneficiarem com a decisão judicialmente concedida. O direito não socorre aos que dormem!

Sendo assim, você professor que vem sendo constantemente prejudicado não deve se conformar com atos ilegais praticados pela Prefeitura de Macaé/RJ, principalmente quando estes atos se refletem em questões pecuniárias, e que podem influenciar em um melhor bem-estar de sua família.

Nosso escritório VANESSA BHERING ADVOGADOS é composto por equipe de advogados especialistas, em demandas envolvendo direitos de servidores Públicos, contando hoje com mais 800 ações judiciais e avaliações 5 estrelas em sua página no Google.

Então Mestre, se você ainda quer lutar para ganhar a sua remuneração garantida por lei, saiba que estamos aqui para guerrear ao seu lado, e não mediremos esforços para sairmos vitoriosos, pois temos as armas que você precisa para buscar o que é seu por direito! Faça contato com um de nossos advogados agora!

Para saber mais, fale com nossos especialistas!

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp
Email

Entre em contato

Entre em contato conosco através do formulário, via WhatsApp, redes sociais ou faça-nos uma visita no endereço abaixo.

Precisa de ajuda?